Toque Terapêutico

A física moderna nos ensina que tudo é composto de energia. Esta energia flui através dos canais regulares, originalmente em uma ordem harmoniosa e equilibrada. As pressões da vida cotidiana, os hábitos, os pensamentos e as emoções perturbadoras, entre outras causas, podem resultar em perda de equilíbrio que, por acumulação, déficit ou bloqueios em diferentes partes do sistema de energia, interferem na boa circulação do fluxo de energia vital, dando lugar a vários distúrbios, doenças e enfermidades. A energia vital, ou CHI (KI), flui pelo corpo humano de forma regular. Esse fluxo forma canais ou caminhos chamados meridianos, a base da Medicina Chinesa. O fluxo livre da energia pelo corpo é essencial para a saúde e sensação de bem-estar físico e psicológico. Ao longo dos meridianos encontramos pontos que condensam energia e nos permitem atuar sobre os meridianos de uma forma mais intensa. Esses pontos podem ser chamados de ‘pontos de alerta’, ‘chacras secundários’, ‘pontos de dor’, de acordo com a literatura estudada. Independente do nome associado a eles o importante é saber que são os pontos onde o fluxo da energia vital aflora à superfície do corpo. Através do Toque Terapêutico é possível despertar nossos poderes de auto-regulação. Baseia-se na aplicação de energias, através de diversos tipos de toque, com o objetivo de equilibrar a parte física, mental e emocional, através da circulação energética, restaurando o fluxo eletromagnético entre as células do corpo.